Orientação na Atividade Fisica

Orientação na Dieta

Acompanhamento para melhor equilíbrio de sua saúde e na redução e controle de peso

Dieta e reeducação alimentar, você já deve estar cansado de ouvir estas palavras, mas para efetivarmos os resultados dos tratamentos e para o paciente melhor se manter futuramente com o seu novo peso, a reeducação alimentar que propomos ao nosso paciente é de tentar trabalhar ao máximo com os alimentos que fazem parte do seu dia a dia, onde procuramos orientar em como melhorar a qualidade e melhor distribuir o alimento durante o dia. Também disponibilizamos este acompanhamento exclusivamente com a nutricionista, sem a necessidade dos tratamentos médicos. Em dietas específicas, como no tratamento Urban Spa (veja detalhes), a alimentação é específica para o período da terapêutica.

Para os pacientes que buscam somente saúde e não possuem problemas com o peso, a dieta é focada para que o básico de nutrientes seja garantido, assim evitando a carência de vitaminas, minerais e outros, essenciais ao nosso organismo.

e na Atividade Física

O que mais ouvimos dentro dos consultórios é a seguinte frase: “Doutor, eu não tenho tempo para atividade física!”. Infelizmente a maioria das pessoas não tem esse tempo, mas o que sempre passamos é que não precisamos ser atletas diariamente. Se deixarmos os compromissos diários nos influenciar no dia a dia, não teríamos tempo nem para dormir.
Se fôssemos ver a atividade física ideal recomendada para uma boa prevenção de doenças cardiovasculares, seria no mínimo uma caminhada de 30 minutos, cinco vezes por semana e na mesma atividade para o emagrecimento, seria 1 hora. Mas avaliando a realidade dos pacientes, inicialmente uma caminhada de aproximadamente 40 minutos três vezes por semana, podendo ser um dia durante a semana e os outros nos finais de semana (sábado e domingo), já seria um bom início para auxiliar em um processo de redução e manutenção de peso, assim como na manutenção de sua saúde. Inicie e faça uma caminhada em ritmo moderado e contínuo, ou seja, aquela em que você percebe que conseguiria conversar enquanto anda!
O que realmente falta na maioria das vezes é força de vontade para tal. Para isto, é importante a investigação da causa do problema, pois se existe uma instabilidade emocional provavelmente não exista vontade e motivação para tal atividade e neste caso o tratamento será necessário para incentivar o paciente. Orientamos o seguinte: mexa-se, não importa como! Faça qualquer atividade que você goste; não entre em uma musculação somente para tentar emagrecer, se você não suporta este tipo de atividade! O que você precisa é algo que lhe dê certo prazer, para que haja continuidade.
O emagrecimento pode até ocorrer sem exercícios físicos, mas as dificuldades são maiores inclusive para manter o peso adquirido.